MEDALHÃO MÃE PRETA

Nº SNIIC: ES-11657

Medalhão em bronze com efígie da Mãe Preta, em ambos os lados, com Ø de 0,30m, e= 7 cm, em homenagem à Mãe Preta da Bahia na figura da Iyalorixá Caetana América Sowzer Bangbosé.

Esfera: Pública

Tipo de Esfera: Municipal

Endereço: Praça Mãe Preta, S/N, Entre a Rua Estrada do Curralinho e Rua do Caxundé (Em frente ao Terreiro Axé Bangbosé – Pilão de Prata), Boca do Rio, 41710-750, Salvador , BA

CEP: 41710-750

Logradouro: Praça Mãe Preta

Número: S/N

Complemento: Entre a Rua Estrada do Curralinho e Rua do Caxundé (Em frente ao Terreiro Axé Bangbosé – Pilão de Prata)

Bairro: Boca do Rio

Município: Salvador

Estado: BA

Descrição

Identificação
Espécie: Medalhão
Título: Medalhão à Mãe Preta
Autor: Herbert Viana de Magalhães
Época: Maio de 2004
Origem: Salvador - Bahia
Propriedade: Prefeitura Municipal de Salvador

Localização
Endereço: Praça Mãe Preta – Boca do Rio
Localização: Entre a Rua Estrada do Curralinho e Rua do Caxundé (Em frente ao Terreiro Axé Bangbosé – Pilão de Prata)


Dados Técnicos
Material: Bronze
Técnica: Fundição
Dimensões: Medalhão: Diâmetro= 0,30m; Pedestal: Base maior = 0,60 x 1,25 x 0,10m; Pedestal = 0,30 x 0,80 x 1,50m


Informações
Medalhão em bronze com efígie da Mãe Preta, em ambos os lados, com Ø de 0,30m, e= 7 cm, em homenagem à Mãe Preta da Bahia na figura da Iyalorixá Caetana América Sowzer Bangbosé.
O medalhão está instalado no pedestal de concreto pré-moldado aparente com duas placas alusivas nas dimensões de 0,50 x 0,60m, sendo uma em homenagem à Mãe Preta e outra com o poema “Mãe Preta” de Valquíria Barbosa.
A Mãe Preta era aquela que num primeiro estágio, além do trabalho escravo tinha a missão de gerar seus filhos, com sacrifícios e entregá-los ao seu senhor para serem escravizados, tinha também a obrigação de cuidar como carinho e, às vezes aleitar os filhos do seu amo, no desempenho do papel de “mãe de leite” ou “ama de leite”.
evento entre e Baixar Planilha

Nome:

E-mail:

Tipo:

Mensagem:

Enviando mensagem

Enviando mensagem